Fritz Kahn

Halle - Alemanha

Fritz Kahn nasceu em Halle em 29 de setembro de 1888. Estudou em Halle, e mais tarde na Sophien-Gymnasium, em Berlim. Após se formar em 1907, Fritz Kahn estudou medicina. Ele terminou seus estudos com a sua dissertação sobre "Versehen Das Schwangeren" em "Volksglaube und der Dichtung", em 1912, e iniciou sua vida profissional como ginecologista, em Berlim.

Durante seus estudos, Fritz Kahn se envolveu e escreveu artigos sobre ciências do cotidiano. Alguns de seus primeiros escritos foram sobre temas de astronomia e aviação, que foram publicados como artigos. Além de sua dissertação, o seu primeiro livro, "Die Milchstrasse", incidindo sobre astronomia, foi publicado em 1914, seguido em 1919 por "Die Zelle", que lida com a função da célula humana. Em 1920 ele publicou um livro sobre a questão racial, "Die Juden als Rasse und Kulturvolk". Um de seus trabalhos mais conhecidos, "Das Leben des Menschen", uma edição em cinco volumes sobre o corpo humano, foi publicada entre 1922 e 1932. Por volta de 1914, Fritz Kahn serviu no exército durante a Primeira Guerra Mundial. Algumas de suas experiências de guerra foram bastante evidentes em seus artigos também.

Pouco antes de Hitler chegar ao poder em 1933, Fritz Kahn viajou para a Palestina, onde ele começou a trabalhar em seu manuscrito "Die Naturgeschichte Palestinas" (A História Natural da Palestina). Devido à situação política na Alemanha, ele não pôde regressar. Ele se tornou um cidadão Palestino e se fixou em Jerusalém. Em 1939, Fritz Kahn deixou a Palestina e mudou-se para a França e Portugal antes de emigrar para os Estados Unidos no início de 1941 com a ajuda de Varian Fry e Albert Einstein.

Após a sua chegada a Nova York, Fritz Kahn foi muito além de sua promissora carreira como um escritor, também foi visto como um dos mais proeminentes e populares escritores sobre assuntos médicos e biológicos. Várias de suas publicações foram traduzidas em idiomas diferentes. Ele freqüentemente ministrava aulas em várias assembléias, conferências e escolas. Ele também apareceu no rádio em transmissões, onde discutiu questões médicas e científicas. A função do corpo humano foi um tema comum na maior parte dos escritos do Fritz Kahn, incluindo as obras de "Our Sex Life" (1939), "Man In Structure And Function" (1943), e "The Human Body" (1966).

Fritz Kahn, que foi casado com Irma Glogau, morreu em Lugano, na Suíça, em 14 de janeiro de 1968.

PRODUTOS DESTE ARTISTA

Ainda não há produtos cadastrados nesta categoria

Navegue por nossas outras seções e volte em breve para conhecer os novos produtos.